Tapirus indicus

Locais de ocorrências

A anta-da-malásia ou anta-malaia, pertence à espécie Tapirus indicus, é um mamífero pouco maior que a anta brasileira. As antas malaias têm 1,8 a 2,4 m de comprimento, 90 a 107 cm de altura, e tipicamente pesam entre 250-320 kg, embora possam pesar até 500 kg. As fêmeas são geralmente maiores que os machos.

O Tapirus indicus ocorre em partes do sul e central de Sumatra (Indonésia), e no continente asiático na península da Malásia, Tailândia  e Mianmar.

Segundo a lista vermelha da IUCN esta espécie está listada como ameaçada de extinção devido a um declínio contínuo da perda de habitat disponível, fragmentação de habitat remanescentes e cada vez mais pressão de caça.

Tapirus indicus é ameaçado durante a maior parte da sua vida.  As principais ameaças à espécie são o desmatamento em larga escala e cada vez mais a caça.

O Tapirus indicus é um ungulado (mamífero com cascos com estrutura feita de queratina) que tem número ímpar de dedos. A característica mais distinta desta espécie é sua narina, longa e flexível, que parece uma pequena tromba.

Os membros são curtos, com quatro dedos nos membros anteriores e três nos posteriores, todos providos de pequenos casco. É um animal facilmente  identificado por suas marcas, principalmente as de cor clara que se estende desde a  parte posterior  de seus membros anteriores à parte posterior de seu corpo. Sendo que a outra parte de seu corpo é coberta de pelos escuros.

Alimenta-se de folhas, frutos, vegetação aquática, brotos, gravetos, grama, caules, etc.Possui hábitos noturnos, porém também pode realizar atividades durante o dia. Quando vive em florestas, costuma usar trilhas já abertas, o que a torna mais vulnerável à caça.